Sapatos de Tango

O Tango é uma dança de elegância. Uma das peças mais importantes na indumentária de um dançarino de tango são os sapatos.

Sapatos de tango para mulheres

A diferença dos sapatos de tango para os sapatos normais é que os primeiros têm saltos especiais: altos, devem assegurar a postura com segurança. A sola é especialmente lisa para escorregar no chão e têm, necessariamente, que segurar bem o calcanhar.

O sapato de tango tradicional é fechado à frente, como um sapato clássico. Uma tira, que sai de trás, dá a volta no tornozelo. Uma outra tira sai do meio do sapato, sobe pelo dorso do pé e chega ao centro da tira do tornozelo.

Existem outros modelos populares: aberto à frente, que deixa ver os dedos; tipo sandália, com tiras cruzadas; de boneca, com tiras trançadas pelo dorso do pé, com as bordas recortadas formando desenhos. Os materiais também variam: pele, verniz, camurça, pelica, etc.

Os saltos variam desde 6,5cm a 10cm, e têm por norma a base larga e a ponta fina. Para andar com elegância e dançar com este tipo de calçado é necessário algum treino.

Sapatos de tango para homens

Os sapatos masculinos também têm saltos, que vão desde 2cm a 4,5cm. A sola também é extra lisa, sendo mesmo aveludada. Os modelos também variam, desde os modelos simples aos bicolores, sendo estes últimos uma imagem de marca do tango. Estes sapatos são sempre de atacadores.

São os sapatos de tango um bom investimento?

Elegantes e confortáveis, os sapatos podem sair das pistas de dança de tango para se transformar em sapatos comuns. O único senão é o preço: este tipo de sapato pode ser dispendioso.

Consideramos mesmo assim um óptimo investimento: eles melhoram bastante a qualidade da dança, e também a própria postura dos dançarinos. E se tiver o cuidado de só usá-los em chão próprio para dançar - nas aulas, em praticas e milongas - , o tempo de vida dos seus sapatos de tango compensará certamente o seu preço.

Artigos relacionados

Roupas de Tango




Ir a Artigos